Osib se reúne em Assembleia e elege coordenação interina

Humanidade, Espiritualidade, Discernimento, Unidade e Discípulos e Missionários. Estas são as palavras-chaves que resumem o novo documento sobre o dom da vocação Presbiteral e apresentado na 32ª. Assembleia da Osib, que ocorreu entre os dias 14 e 17 de maio, no Seminário Santo Antônio, em São Pedro (SP).

O reitor do Seminário São José e Propedêutico Bom Pastor, da Arquidiocese de Ribeirão Preto, padre Marcus Vinícius Miranda, participou da assembleia.

A Assembleia reuniu reitores, formadores de Filosofia e Teologia, formadores do Propedêutico, dos Seminários Menor e Institutos de Formação presentes no Regional Sul 1 da CNBB, com o objetivo de colaborar com a reflexão e trocas de experiências no trabalho da formação sacerdotal.

Estiveram cerca de 40 padres de diversas arquidioceses e dioceses, entre elas, Aparecida, Assis, Bauru, Barretos, Bragança Paulista, Campinas, Caraguatatuba, Franca, Guarulhos, Itapetininga, Jales, Jundiaí, Limeira, Lorena, Mogi das Cruzes, Osasco, Presidente Prudente, Ribeirão Preto, São Carlos, São João da Boa  Vista, São José do Rio Preto, São Paulo, Sorocaba e Votuporanga.

Com o tema “O Dom da Vocação Presbiteral da Ratio Fundamentalis Sacerdotalis”, a Assembleia foi pautada por leituras, estudos e conferências sobre o documento feitas pelo presidente da OSIB estadual, Pe. Leandro dos Santos, que discorreu sobre o tema, e trouxe pontos importantes e as novidades deste documento, ao público participante. No último dia, Dom Paulo Roberto Beloto, Bispo Referencial para a Osib, fez também algumas considerações importantes da Ratio com as Novas Diretrizes da Formação dos Presbíteros aprovada na última assembleia da CNBB e que agora se encontra para aprovação da Santa Sé.

Dentre as quatro chaves para se ler a Nova Ratio, apresentou, as diferenças do texto de 1985. 2- Processo de formação para os candidatos ao sacerdócio. 3- Inculturação. 4- Seminários Menores.

Já na Formação inicial e Permanente,  foi destacado a atenção especial pelos primeiros anos de formação, visando uma formação integral: inicial e permanente. É necessária uma mudança de mentalidade, superar as resistências, precisamos da luz do Espirito Santo.

“Importante é contar com uma equipe de formação para dar continuidade no trabalho de formação. Valorizar e contar com o trabalho da PV/SAV diocesano.

Conhecer bem o documento da Nova Ratio, especialmente a formação inicial e suas etapas: Etapa propedêutica, Etapa dos estudos filosóficos (ou do discipulado), Etapa dos estudos teológicos (ou de configuração) e a Etapa Pastoral (ou de síntese vocacional). Acima de tudo é necessário manter a comunhão, bispo, reitor e demais padres. Manter a diocesaneidade, procurar estudar e conhecer a espiritualidade do padre diocesano”. Disse padre Leandro dos Santos, assessor do encontro e coordenador estadual.

O Encontro, promovido Organização dos Seminários e Institutos do Brasil (OSIB) do Regional Sul 1 (São Paulo), ainda contou com momentos de partilha e convivência.

Para o padre Leandro dos Santos, coordenador estadual, a Assembleia foi oportuna para apresentar novas formas e maneiras de se pensar a formação presbiteral. “Ninguém está formado suficientemente para a vida toda. É preciso o esforço pessoal para que busquemos a formação, destacando a fraternidade presbiteral. O sacerdote deve cultivar a fé e a pastoral da caridade, virtudes sacerdotais. A chama da vocação deve ser realimentada sempre, para que nunca se apague, valorizando a formação permanente e os padres da própria diocese, vivendo uma formação concreta, encarnada na realidade presbiteral, de maneira que todos os presbíteros possam assumi-la, atendendo a que o primeiro e principal responsável pela formação permanente é o próprio sacerdote. (N.82)”, declarou.

Nova coordenação

A Assembleia elegeu o novo presidente interino (um ano) até a próxima assembleia em 2019, onde acontecerá a eleição geral. Essa eleição do Presidente interino da Osib no Regional aconteceu devido a renúncia do padre Leandro, uma vez que o mesmo não está mais à frente da Formação e atualmente está fazendo uma experiência na vida religiosa na Congregação dos Sacerdotes do Sagrado Coração de Jesus (SCJ), mas conhecidos como Padres Dehonianos.

Padre João Paulo da Silva da Diocese de Mogi das Cruzes, que até então era o Tesoureiro da Equipe, agora assume interinamente a função de Presidente, sucedendo o padre Leandro dos Santos.

Padre Juliano Delgado da Diocese de Franca fica como secretario. E o Padre Miguel Donizete Garcia da Diocese de Jales ficou como tesoureiro.
 

Com informações da Osib
 

http://www.cnbbsul1.org.br/osib-se-reune-em-assembleia-e-elege-coordenacao-interina/