Padre André lança livro sobre liturgia

De autoria do padre André Luiz Massaro, o livro: “A renovação litúrgica do Concílio Vaticano II e a celebração da Palavra de Deus”, da editora Schova, foi lançado no dia 15 de fevereiro, no Centro Social Dom Arnaldo Ribeiro, em Ribeirão Preto.

De acordo com padre André “a obra reúne numa linguagem simples, uma intensa pesquisa e reflexão a respeito da renovação litúrgica e da restauração da Celebração da Palavra de Deus conquistada pelo Concílio Vaticano II. Apresenta famílias e comunidades que celebram a Liturgia da Palavra de Deus em capelas, grandes igrejas, varandas de casas, fábricas e nos lugares mais improvisados, mas celebram de maneira ativa, plena e consciente, alcançando uma participação frutuosa; como uma fonte de abastecimento e crescimento na fé cristã, a partir da valorização de elementos resgatados na reforma litúrgica do Vaticano II expostos na Constituição Sacrosanctum Concilium”, relata o autor.

Segundo o autor o livro apresenta as mudanças litúrgicas trazidas pelo Concílio Vaticano II. “Um resgate histórico dos Padres Conciliares, os quais levaram a liturgia da Igreja de volta às suas fontes bíblicas e patrísticas. A obra apresenta os elementos litúrgicos fundamentais restaurados pelo Concílio, particularmente na Liturgia da Palavra, e ao mesmo tempo indica que tais elementos presentes na Celebração da Palavra de Deus faz dela não simplesmente uma âncora para sanar a falta de ministros ordenados e/ou por sua vez para substituir a dificuldade do acesso à Celebração da Eucaristia. A Celebração da Palavra possui características próprias, e pode levar o batizado a um grau mais profundo de evangelização e maturidade da fé, o que muito falta hoje nos fiéis de nossas paróquias”, afirma padre André.

A obra, conforme retrata o autor, aborda a contribuição de diversos liturgistas e versa sobre a atuação dos leigos na vida litúrgica. “Uma proposta provocativa que reúne múltiplos autores e elementos da liturgia num só livro, demonstrando que ela não é fator de divisão e sim unidade, mas exige estudo, conhecimento e fidelidade. Finalmente o livro contempla o protagonismo leigo; hoje colocado numa coalisão entre: a tentação atual de uma ‘Igreja-ultraclericalista’ e o legítimo movimento do Vaticano II de levar os leigos a viverem sua vocação de sal e luz nas fronteiras de missão: uma Igreja samaritana e em saída”, comenta o autor.

Autor - Padre  André Luiz Massaro, é presbítero da Arquidiocese de Ribeirão Preto, natural de Santa Rosa de Viterbo, tem 41 anos,  e exerce o ministério presbiteral como pároco da paróquia Santo Antônio de Pádua, em Bento Quirino, também é diretor da Escola Diaconal Arquidiocesana São Lourenço, além de assessorar a Equipe de Campanhas e ser o padre referencial da Quinta Urgência Pastoral: “Igreja, vida plena para todos” e presidente da “Comissão Pastoral para a Ação Social Transformadora”.