Paróquias atendidas pelos religiosos canossianos tem novos párocos

As paróquias atendidas pelos padres da Congregação dos Filhos da Caridade Canossianos (FDCC) na Arquidiocese de Ribeirão Preto acolheram novos párocos em missas com o rito de posse canônica presididas pelo arcebispo Dom Moacir Silva. A primeira posse ocorreu em 24 de março, na paróquia Sagrada Família, em Ribeirão Preto, tendo o padre Jair Aparecido de Oliveira, FDCC, sido empossado pároco, em substituição ao padre Cacimiro José Köche Rosa, FDCC, transferido para a paróquia São Francisco e São José Operário, em Presidente Dutra (MA). No dia 31 de março, foi empossado como novo pároco da paróquia São José Operário, em Santa Rita do Passa Quatro, o padre Jenalro Paz dos Santos, FDCC, tendo como vigário paroquial, o padre Antônio Augusto de Oliveira, FDCC. Padre Jenalro substituiu o antigo pároco padre João Carlos Barbalho, FDCC, transferido para a paróquia São Sebastião, em Piabetá, Magé (RJ).

Padre Jair - O ribeirão-pretano padre Jair recebeu a ordenação em 28 de outubro de 2011, na paróquia Santo Antônio Maria Claret e Santo Antônio de Sant´Ana Galvão, e manifestou a alegria de retornar ao trabalho em sua cidade. “O grande desafio é ser missionário evangelizador em minha cidade natal na paróquia onde iniciei minha caminhada vocacional como seminarista”, disse padre Jair.

Padre Jenalro - O padre Jenalro, natural de Borda da Corda (MA), ordenado presbítero em 15 de novembro de 2010, na paróquia Nossa Senhora das Dores, em Nova Odessa (SP), assume a nova missão com o desafio  de partilhar as experiências trazidas das  paróquias precedentes. “Vim para Santa Rita do Passa Quatro na alegria de retornar a nossa instância climática e partilhar as experiências vividas nas cidades onde estive nesses últimos anos. Começo com um grande e precioso momento de escuta e planejamento pastoral orientado pelas diretrizes da Arquidiocese de Ribeirão Preto e inspirado pelo nosso carisma dos Filhos da Caridade Canossianos. Conto com as orações de todos os paroquianos da paróquia São José Operário”, expressou padre Jenalro.

Jubileu – Os primeiros religiosos canossianos chegaram a Santa Rita do Passa Quatro, em 9 de março de 1969, sendo instalados na matriz Santa Rita de Cássia. Foram eles: os padres Pio Giovanni Corso, Juliano Todesco, Emmanuel Ítalo Viola e o Irmão Aldo Gregório Miotto, que foi ordenado diácono permanente em 21 de outubro de 1976, por Dom Bernardo José Bueno Miele. Com a criação em 7 de julho de 2004 da paróquia São José Operário, no Jardim Bela Vista, os padres canossianos deixaram o atendimento da paróquia Santa Rita de Cássia, e assumiram os trabalhos de evangelização na nova paróquia.
(Fonte: Argemiro Octaviano)