Clero aborda temas pastorais e administrativos em Brodowski

Nos dias 18 e 19 de setembro, na Casa Dom Luis, em Brodowski, foi realizada a Reunião Geral do Clero, presidida pelo arcebispo metropolitano de Ribeirão Preto, Dom Moacir Silva. Com a participação de ao menos 120 padres e diáconos, a reunião incluiu na pauta temas pastorais e administrativos da vida eclesial arquidiocesana. Os padres e diáconos receberam para a reunião uma pasta com o material de estudo que foi organizado pelo Centro Arquidiocesano de Pastoral. A reunião começou com a oração da Lectio Divina, no auditório, e na continuidade o arcebispo Dom Moacir acolheu a todos, e solicitou ao padre José Eduardo Previato Carmanham, secretário da reunião, proceder a leitura da ata da última reunião, realizada em 21 de fevereiro deste ano.
No prosseguimento da reunião, o padre Luis Gustavo Tenan Benzi, coordenador arquidiocesano de pastoral, apresentou a pauta de atividades. Foram abordados os seguintes temas:

1º) Mês Missionário Extraordinário (MME): o arcebispo Dom Moacir conduziu a reflexão do texto da 57ª Assembleia Geral dos Bispos (AG) intitulado: “Todas as Igrejas para o mundo inteiro”, de Dom Giovanni Crippa, IMC, membro da Comissão Episcopal Pastoral para Ação Missionária e a Cooperação Intereclesial da CNBB. Dom Moacir acentuou a dimensão missionária do presbítero para viver a cooperação entre as igrejas na missão ad gentes. No contexto do Mês Missionário Extraordinário, o texto de Dom Giovanni, incentiva os presbíteros a um desprendimento e dedicação para assumir o compromisso missionário: “A missão é o rosto que a Igreja precisa recuperar. A missão é a força que nos impulsiona a ir aonde o Evangelho ainda não chegou, a sair daquilo que já temos para escutar a necessidade de Deus que a humanidade continuamente nos apresenta”.

2º) Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora da Igreja no Brasil 2019-2023: O Documento 109 da CNBB foi apresentado pelo padre Luis Gustavo. As novas diretrizes da CNBB foram publicadas em junho deste ano após a 57ª Assembleia Geral dos Bispos. Os padres e diáconos receberam um exemplar do documento que traz como novidade para o quadriênio 2019-2023 a concepção da Igreja como “Comunidade Eclesial Missionária”, apresentada com a imagem da “casa”, e a ação pastoral estruturada a partir de quatro pilares: Pilar do Pão, Pilar da Caridade, Pilar da Ação Missionária e Pilar da Palavra. O documento 109 é uma das bases da preparação da 15ª Assembleia Arquidiocesana de Pastoral.  

3º) Questões Pastorais:

a) 15ª Assembleia Arquidiocesana de Pastoral (15ª AAP): O terceiro momento da preparação da assembleia arquidiocesana (agosto, setembro e outubro) contempla a análise do Instrumento de Trabalho. O prazo final de entrega das contribuições das paróquias, pastorais, movimentos e serviços é o dia 21 de setembro. O próximo passo será a tabulação das contribuições a ser feita pelo Secretariado Arquidiocesano de Pastoral, e depois, no final do mês de outubro, a entrega da versão final do Instrumento de Trabalho, a ser trabalhado na 15ª AAP, em 24 de novembro.

b) Acolhida às Famílias Venezuelanas: A Arquidiocese em comunhão com o “Plano Nacional de Integração Caminhos de Solidariedade: Brasil & Venezuela”, promovido pela Cáritas Diocesana de Roraima, acolhe no dia 24 de setembro duas famílias venezuelanas. Para tal ação foi formada uma comissão para cuidar da logística e do acompanhamento das famílias.

c) Catequese Batismal: na pasta de documentos da reunião foi entregue o subsídio: “Catequese Batismal: itinerário de inspiração catecumenal para preparação de pais e padrinhos para o Batismo de crianças”, publicado pela Edições CNBB, e que oferece uma proposta de encontros de preparação ao batismo. A iniciativa abre caminho para o estudo na direção de uma orientação única da Catequese Batismal em todas as paróquias da arquidiocese.

d) Área Missionária: O arcebispo Dom Moacir comunicou a aprovação na última reunião do Conselho Presbiteral, 3 de setembro, da criação da Área Missionária, na zona norte, da cidade de Ribeirão Preto, que abrange o bairro Jardim Cristo Redentor (Residencial Vida Nova Ribeirão). O novo bairro  conta com 6.991 moradias e 761 lotes de comércios e serviços.

4º) Normas Pastorais para o Sacramento do Matrimônio na Arquidiocese de Ribeirão Preto: Os padres e diáconos, após a apresentação do conteúdo revisado das normas pastorais do Sacramento do Matrimônio, reuniram-se por foranias para avaliação do texto que passou por revisão, no período de maio a setembro deste ano, e no retorno ao auditório, após ponderações diversas, aprovaram o documento. O primeiro dia da reunião foi encerrado com a missa presidida pelo arcebispo na capela da casa de encontros.

5º) Questões Administrativas: No segundo dia da reunião, o padre Pedro Luís Schiavinato, Ecônomo da Arquidiocese, apresentou uma pauta de assuntos administrativos e contábeis, entre eles: Avaliação dos Planos de Saúde, Proposta do novo modelo da Taxa Cúria e Prestação de Contas.

Comunicados Pastorais: Ainda na reunião, o coordenador de pastoral, padre Luis Gustavo Tenan Benzi, coordenou a apresentação dos comunicados pastorais, e também ocorreu o lançamento da Novena de Natal 2019 da Arquidiocese e do Aplicativo da Arquidiocese para Celulares.