Temas pastorais e administrativos na primeira reunião do clero de 2018

No  dia 15 de março, quinta-feira, das 9h às 15h30, na Casa Dom Luis, em Brodowski, foi realizada a Reunião Geral do Clero, presidida pelo arcebispo metropolitano de Ribeirão Preto, Dom Moacir Silva.

A reunião começou com a oração na capela, onde os presbíteros e diáconos, em sintonia com o tempo quaresmal, tiveram o “Momento Penitencial”, como expressou a introdução da oração: “Esta celebração vai nos preparar para que, na noite pascal, ao recordar a graça do Batismo, alcancemos a renovação da vida com Cristo por meio da libertação dos pecados. Oremos, para que, pela penitência, voltem de novo à graça do Batismo, os que por seus pecados a esqueceram”. Na continuidade, no auditório, o arcebispo Dom Moacir acolheu a todos, e solicitou ao padre José Eduardo Previato Carmanham, secretário da reunião, proceder a leitura da ata da última reunião, realizada em 17 de novembro de 2017.

No seguimento da reunião, o padre Samuel Matias, representante dos presbíteros, apresentou a pauta de atividades. Foram abordados os seguintes temas:

1º) Formação sobre Comunhão Eclesial e Sacramentos da Iniciação à Vida Cristã: o arcebispo Dom Moacir conduziu a reflexão, primeiramente, abordando o tema da comunhão eclesial a partir dos documentos: “Carta aos Bispos da Igreja Católica sobre alguns aspectos da Igreja entendida como comunhão”, publicada em 1992, pela Congregação para a Doutrina da Fé; “Diretório para o ministério e a vida dos presbíteros”, publicado pela Congregação para o Clero, em 2013; e “Instrução: O Presbítero, pastor e guia da comunidade paroquial”, publicada em 2002, pela Congregação para o Clero. Dom Moacir procurou instruir o clero a viver a comunhão eclesial situando a importância de caminharmos juntos na observância da aplicação das “Normas Pastorais para os Sacramentos da Iniciação à Vida Cristã da Arquidiocese de Ribeirão Preto’, Documento 2, da Coleção Comunhão, publicado em 2017.

2º) Projeto Missionário Ribeirão Preto/Manaus: O padre Acássio Ferreira Rocha, representando a equipe missionária – composta pelos padres que passaram pela missão na Prelazia de Itacoatiara, Japão e Projeto Ribeirão Preto/Manaus, e pelos padres Samuel Matias, representante dos presbíteros; Luís Gustavo Tenan Benzi, coordenador de pastoral; e Ilson Vicente Olímpio, representante da primeira urgência: “Igreja em estado permanente de missão” – apresentou o “Projeto de Colaboração Missionária com o Projeto Ribeirão Manaus”, que consiste num complemento de ajuda na Manutenção do Projeto Missionário, enviando padres da Arquidiocese para uma permanência de sessenta dias colaborando com os padres que lá exercem o ministério. A proposta nasceu das preocupações suscitadas na Equipe Missionária da Arquidiocese de Ribeirão Preto pertinentes à divulgação, manutenção e continuidade do projeto missionário iniciado em 02 de março de 2006, e da constatação feita por Dom Moacir em sua visita a Manaus, em setembro de 2017, da necessidade de um terceiro padre trabalhando neste Projeto e, ao menos uma vez ao ano, a sua visita à Arquidiocese de Manaus, na medida no possível, acompanhado pela Equipe Missionária.

3º) Eleição do Representante dos Presbíteros e Delegados: Com o término do mandato do atual representante dos presbíteros, padre Samuel Matias, ocorreu a eleição para escolha do novo representante. Em segundo escrutínio foi eleito o padre Ivonei Adriani Burtia, e como delegados, os padres: Hélio Tadeu da Silva, Edgard Sebastião Rosse, e como suplente, o padre Mário Reis da Silveira.

4º) Prestação de Contas: o padre Pedro Luís Schiavinato, Ecônomo da Arquidiocese, e o diácono Caetano Marchese, contador da Arquidiocese, fizeram a apresentação da prestação de contas arquidiocesana referente ao ano de 2017.

Pastoral - Ainda na reunião, o coordenador de pastoral, padre Luis Gustavo Tenan Benzi, coordenou a apresentação dos comunicados pastorais, e também ocorreu o lançamento oficial do terceiro website da Arquidiocese, que traz um layout atual e  responsivo para se adequar as diversas telas dos dispositivos (computador, notebook, celular ou smartphones, tablet etc) e assim oferecer qualidade e proporcionar facilidade na navegação aos internautas.