<

Movimento de Cursilhos de Cristandade

Histórico

O Movimento de Cursilhos de Cristandade – MCC teve seu início no singular contexto social, econômico, político e religioso da Espanha nas décadas de 30-40. Coube a iniciativa à Juventude da Ação Católica Espanhola (JACE) da Diocese de Palma de Maiorca, encorajada por seu Bispo Dom Juan Hervás. O Cursilho destaca-se por ser um movimento eclesial voltado a um primeiro anúncio explicito do evangelho, apresentando Jesus Cristo (kerigma). Procura também despertar novas lideranças dentre os cristãos batizados que estejam afastados da Igreja, a fim de torna-los evangelizadores através de suas realidades particulares (testemunhos). O chamado carisma da organização volta-se a Evangelização de Ambientes.

Com espírito apostólico e evangelizador realizou-se o primeiro Cursilho no Brasil na cidade de Valinhos-SP, Diocese de Campinas, na Semana Santa de 1962.

Um pouco mais tarde, mais precisamente em abril de 1967, chega o MCC chega a Ribeirão Preto através de alguns leigos e de um Sacerdote que fizeram o Cursilho em São Paulo. Eles apresentaram o Movimento ao Dom Frei Felício Cesar da Cunha Vasconcelos, Arcebispo de Ribeirão Preto no período de 1965 a 1972, que viu no Movimento de Cursilhos um instrumento para formação de leigos, tanto que além de autorizar sua implantação, solicitou ao seu Coajutor Dom Bernardo José Bueno Miele que apoiasse assistisse os trabalhos.

O primeiro grupo de cursilhistas de Ribeirão Preto foram homens que participaram de um Cursilho em Valinhos no ano de 1967.

No Carnaval de 22 a 23 de fevereiro de 1968 foi realizado o primeiro Cursilho na Diocese de Ribeiro Preto, no Seminário Diocesano Maria Imaculada, em Brodowski, com participação de alguns membros da Capital e de Campinas que atuaram como rolhistas (atual mensageiro).

O primeiro cursilho de homens formado integralmente com dirigentes de Ribeirão Preto foi realizado no mês de Setembro de 1968.

No mesmo mês de setembro (1968), um grupo mulheres de Ribeirão Preto participou de um Cursilho Feminino em Valinhos, e em 1969 realizou-se o primeiro Cursilho de mulheres na Diocese de Ribeirão Preto.

O primeiro Cursilho de jovens (homens e mulheres) foi realizado em 16 a 19 de julho de 1998, na Casa Dom Luiz em Brodowski. Há alguns anos o Cursilho de jovens deixou de ser misto, passando a ser realizado separadamente.
 

Casa do Cursilho

A casa do Cursilho, localizada na Rua Franca, 90 – Jardim Paulista, foto abaixo, onde funciona a Sede do Grupo Executivo Diocesano - GER, foi construída entre os anos de 1975 e 1976, graças ao apoio e esforço de todos os cursilhistas daquela época. Hoje a Casa passa por um processo de reformas, as primeiras desde sua construção, contanto também com o trabalho voluntário de muitos irmãos.

Antes da criação do GED na Arquidiocese de Ribeirão Preto ocorreram 78 Cursilhos nas Vigararias. Até 11 de junho de 2018 foram realizados na 488 cursilhos, com participação estimada de 24 mil cristãos católicos cursilhistas.
 

Setores, datas e horários de reuniões

Cravinhos – Salão Paroquial da Igreja Santa Luzia
Av. Pedro Amoroso, 1285 – Reuniões quarta-feira às 20h

Jardinópolis – Salão Paroquial João Paulo II – Paróquia Nossa Senhora Aparecida
R. Silva Jardim, s/nº - Reuniões quarta-feira às 20h

Jardinópolis – Paróquia Nossa Senhora de Fátima
R. Dr. Jorge Nogueira, 34 - Reuniões quarta-feira às 20h

Jardinópolis – Salão Paroquial da Paróquia São Sebastião
R. Carlos Saran, 75 – Reuniões quarta-feira às 20h

Ribeirão Preto – Igreja Nossa Senhora dos Anjos
R. Walter Poloni, 190 – Reuniões 1ª e 3ª quartas-feiras do mês às 20h

Serrana – Centro de Eventos Nossa Senhora Aparecida
R. Vicente de Paula Lima – Reuniões quarta-feira às 20h

Sertãozinho – Sala de Catequese São João
R. José Batista Rosas s/nº – Reuniões quinta-feira às 20h

Sertãozinho – Sala de Catequese São Paulo Apóstolo
R. Artur Capelli, s/nº - Reuniões quinzenalmente às quinta-feira às 20h

Grupo Jovens GED (todos os setores) – Casa do Cursilho
R. Franca, 90 – Jardim Paulista – Reuniões 2º sábado do mês às 15h

 

Contato

Site: mccribeiraopreto.com.br
Fanpage: mccribeiraopreto
E-mail: mccribeiraopreto@gmai