Hoje é
Notícias

08/09
2015

Projeto Agosto

Arquidiocese promoveu primeiro encontro de coroinhas, acólitos e clarissas

Com o intuito de despertar as vocações e dentro da programação das atividades do Projeto Agosto Família de Deus, foi realizado em 30 de agosto, no Seminário Maria Imaculada, em Brodowski (SP)


Arquidiocese promoveu primeiro encontro de coroinhas, acólitos e clarissas

Acesse a Galeria de Fotos

Com o intuito de despertar as vocações e dentro da programação das atividades do Projeto Agosto Família de Deus, foi realizado em 30 de agosto, no Seminário Maria Imaculada, em Brodowski (SP), o Encontro Arquidiocesano de Coroinhas, Cerimoniários, Acólitos, Clarissas/Outras. O encontro reuniu ao menos 900 participantes que, num primeiro momento partilharam um café da manhã, e depois, se reuniram na Capela Central do Seminário para a acolhida, e em seguida foram direcionados para as oficinas programadas. Foram organizados três grupos por idade: 1) até 11 anos, 2) de 11 até 16 anos e 3) de 17 anos em diante. O primeiro grupo foi deslocado para o salão do antigo refeitório do seminário, e contou com atividades do Ministério para Crianças da Renovação Carismática Católica da Arquidiocese de Ribeirão Preto; o segundo grupo permaneceu na capela central, e participou da palestra Escolher Deus e teatro promovidos pela Comunidade Missionária Divina Misericórdia, de Batatais; e o terceiro grupo se dirigiu para a sala de palestras, onde foi apresentado o tema A consagração ao altar e a vivência da sexualidade, com o diácono Rosanildo Queiroz. O encontro terminou com a missa presidida pelo arcebispo dom Moacir Silva, que ao perguntar para os participantes, antes da bênção final, se valeu a pena o encontro, ouviu um pedido de quero mais para o próximo ano, e retribuiu dizendo ao coordenador do Serviço de Animação Vocacional, padre Mateus Martins: temos o compromisso de levar adiante este encontro para o próximo ano.

Na homilia, dom Moacir Silva, recordou que nas diversas visitas s comunidades da arquidiocese sempre conta com a ajuda nas missas dos coroinhas, cerimoniários, acólitos, clarissas. E esse serviço é um privilégio, um compromisso com a Igreja, um despertar para o fortalecimento da amizade com Jesus Cristo. uma alegria poder se encontrar com vocês, a gente se encontra ao longo do ano nas comunidades, dentre as muitas carinhas que eu vejo aqui, são carinhas que eu já encontrei e já me ajudaram em diversas missas nas comunidades, mas hoje estamos juntos aqui como arquidiocese. Eu gosto de olhar para vocês e ver em vocês pessoas privilegiadas, que chegam pertinho do altar, chegam perto de Nosso Senhor, toda vez que vocês se aproximam para ajudar na celebração da santa missa, e isto deve marcar a vida de cada um de vocês, é um privilégio, é uma graça. Vocês têm a oportunidade de crescer numa amizade maior com Jesus Cristo, porque vocês estão pertinho das coisas sagradas: da Eucaristia, dos outros sacramentos, dos objetos que nós usamos para celebrar o mistério da Eucaristia, então tudo isso desperta em vocês o gosto, a alegria, pois vocês gostam de ajudar na santa missa, recordou dom Moacir.

Ao meditar sobre a liturgia do 22 Domingo do Tempo Comum (Dt 4,1-2.6-8; Tg 1,17-18.21b-22.27 e Mc 7,1-8.14-15.21-23), o arcebispo salientou a necessidade de fazermos a vontade de Deus expressa nos mandamentos e sermos autênticos na vivência e no testemunho desta Palavra. Por isso, lembrou dom Moacir: uma coisa importante que vocês precisam cultivar, como todos nós: estamos a serviço da celebração, não estamos simplesmente fazendo ritos, mas, nos reunimos aqui para através dos ritos, seja como bispo, padre, diácono, seminarista, coroinha, acólito, cerimoniário, realizarmos alguns ritos que nos levam ao encontro com Deus, e é desse encontro que nós precisamos para conhecê-lo melhor, frisou dom Moacir.

O arcebispo ainda fez menção ao mês de agosto, mês das vocações, e convocou os participantes a pensarem nas diversas vocações. O fato de vocês estarem sempre muito perto do altar pode ajudar vocês a descobrir melhor o chamado de Deus. Eu espero que vocês tomem consciência disso: Deus chama muitos de vocês para o matrimônio, para a vida de família, para ser um lugar de encontro com Deus também, mas Deus chama também para a vida religiosa, para a vida consagrada: local onde as pessoas entregam as suas vidas para servir aos irmãos. Espero que Deus chame muitos de vocês para a vida sacerdotal. Não tenham medo de escutar o chamado de Deus. Se Ele chama vocês para uma missão mais exigente, Ele também ajuda você a responder a esta missão. Então que esta Eucaristia que conclui o nosso encontro ajude a cada um de vocês a escutar Deus que chama vocês para uma vida de amizade com Ele, chama vocês para uma missão dentro da Igreja e no mundo, que vocês escutem e respondam generosamente a este chamado de Deus, concluiu o arcebispo.

No encerramento o padre Mateus Martins, coordenador do Serviço de Animação Vocacional Pastoral Vocacional, agradeceu o empenho das comunidades em enviarem os participantes. O encontro terminou com o lanche comunitário.

Projeto Agosto A segunda edição do Projeto Agosto Família de Deus 2015, abrangeu uma série de celebrações e atividades pastorais coordenadas pelo Setor Família, Setor Juventude, Serviço de Animação Vocacional Pastoral Vocacional (SAV-PV), Pastoral Familiar e Comissão de Animação Bíblico-Catequética. As atividades pastorais que integraram este projeto são: Abertura Arquidiocesana da Semana da Família, Concentração Arquidiocesana dos Catequistas, Feira Vocacional, Encontro de Coroinhas e Acólitos; e as atividades que ocorrerão ainda no mês de setembro: Vigília de Oração pelo VIII Encontro Mundial das Famílias; e em novembro: o Dia Nacional da Juventude.


CONTATO

Rua Tibiriçá nº 879 – Centro
CEP: 14010-090
Ribeirão Preto/SP


Atendimento

de 2ª a 6ª feira
Das 8h às 12h
Das 13h às 17h (16) 3610 8477

Copyright © 2019 - Arquidiocese de Ribeirão Preto - Desenvolvido por Com5