Hoje é
Notícias

12/02
2016

Campanha

Coletiva de Imprensa na abertura da CFE-2016

O arcebispo metropolitano de Ribeirão Preto Dom Moacir Silva, o coordenador da Equipe de Campanhas padre André Luiz Massaro, e os integrantes da Equipe de Campanhas Diácono Francisco Alves Ferreira Neto e Valter Jaime Silveira


Coletiva de Imprensa na abertura da CFE-2016

O arcebispo metropolitano de Ribeirão Preto Dom Moacir Silva, o coordenador da Equipe de Campanhas padre André Luiz Massaro, e os integrantes da Equipe de Campanhas: Diácono Francisco Alves Ferreira Neto e Valter Jaime Silveira participaram, na manhã da Quarta-feira de Cinzas, 10 de fevereiro de 2016, s 9 horas, na residência arquiepiscopal, da coletiva de imprensa na abertura da Campanha da Fraternidade Ecumênica 2016. Estiveram presentes na coletiva os seguintes meios de comunicação: EPTV, Jornal da Clube (Band), CBN Ribeirão Preto, Revista Revide, Jornal A Cidade, Jornal Enfim, Programa Rota da Verdade (Rádio Clube), Programa Realidade das Ruas, Rádio Cruz FM (Cruz das Posses), Rede Vida de TV, Portal Ribeirão Web News e Pastoral da Comunicação da Arquidiocese de Ribeirão Preto.

O coordenador arquidiocesano da Equipe de Campanhas padre André Luiz Massaro acolheu e deu as boas-vindas aos meios de comunicação e explicou a proposta da Campanha da Fraternidade deste ano no lançamento oficial da Campanha da Fraternidade Ecumênica na Arquidiocese de Ribeirão Preto. A Arquidiocese de Ribeirão Preto acolhe-os na residência episcopal mais uma vez para a apresentação oficial da Campanha da Fraternidade Ecumênica 2016, disse padre André.

Em seguida, o arcebispo dom Moacir Silva saudou os meios de comunicação presentes, e fez uma breve apresentação dos objetivos e da preocupação da Igreja no Brasil e desta Campanha da Fraternidade Ecumênica (CFE-2016): com alegria que eu os acolho aqui na residência para o lançamento oficial da Campanha da Fraternidade 2016 em comunhão com toda a Igreja no Brasil. Iniciamos hoje também em nossa Arquidiocese a Campanha da Fraternidade Ecumênica. A experiência da campanha ecumênica começou no ano de 2000, por ocasião do grande Jubileu dos dois mil anos do nascimento de Nosso Senhor Jesus Cristo, depois em 2005, 2010 e agora em 2016. Nesse ano a nossa campanha tem como tema: Casa Comum, Nossa Responsabilidade e o lema: Eu vim para servir (Mc 10, 45), e vem de encontro com a grande preocupação do mundo inteiro, preocupação do papa Francisco na encíclica Laudato si e é uma continuação desta reflexão do papa a respeito do planeta terra, destacou dom Moacir.

O arcebispo explicou que a grande orientação da campanha encontra-se no texto-base, porém, há uma série de outros textos que estão contidos no Manual da Campanha e viabiliza o aprofundamento da reflexão sobre o tema central por intermédio dos encontros para crianças, jovens, escolas, via-sacra, círculos bíblicos. A Campanha da Fraternidade quer atingir a todos. Desde que a campanha começou no Brasil, ela cresce sempre mais, envolve sempre mais as pessoas, e tem produzido muitos frutos. Muitas das pastorais existentes hoje na Igreja nasceram a partir da Campanha da Fraternidade, explicou o arcebispo.

Dom Moacir também apresentou o objetivo primordial da campanha deste ano. Nesse ano o foco está no saneamento básico. Por isso a campanha tem como objetivo geral: Assegurar o direito ao saneamento básico para todas as pessoas e empenharmo-nos, luz da fé, por políticas públicas e atitudes responsáveis que garantam a integridade e o futuro de nossa Casa Comum. Então o texto-base trabalha esta temática a partir do método ver, julgar e agir. E, ao olharmos a realidade percebemos que tem muita gente no Brasil sem que esse direito ao saneamento básico seja cumprido. A Campanha da Fraternidade quer levar as comunidades a refletirem sobre esta questão (saneamento), quer levar as pessoas a assumirem posturas em vista do saneamento básico, e conscientes de que o problema do saneamento básico é um tema do poder público, mas não apenas do poder público. Cada um de nós pode fazer algo para contribuir para o saneamento básico, basta pensarmos no cuidado com a água. Quanta água desperdiçada encontramos desde as nossas casas até nas ruas de nossa cidade, alertou dom Moacir.

Outro aspecto apontado pelo arcebispo e de fundamental importância nesta campanha é a questão do lixo. Um dado muito concreto e que cada um pode contribuir é a questão do lixo. s vezes produzimos lixo muito acima daquilo que necessitamos para viver. Então, esta campanha quer ajudar a cada um de nós a dar a sua contribuição para que o saneamento básico aconteça nas nossas cidades. Seria muito bom que em cada município de nossa arquidiocese a campanha despertasse nos leigos e leigas o compromisso de acompanhar nas Câmaras Municipais o Plano Municipal de Saneamento Básico que toda prefeitura precisa ter, destacou dom Moacir.

Para o coordenador da Equipe de Campanhas padre André Luiz Massaro a proposta da equipe é motivar as equipes paroquiais a refletirem o tema e criarem iniciativas que provoquem neste tempo quaresmal mudanças na realidade pessoal e social. Na nossa arquidiocese todos os anos nós temos a animação da Campanha da Fraternidade. Na primeira quinzena de janeiro ocorreu um dia inteiro de capacitação para um grupo de 180 agentes de pastoral paroquiais. Temos outras iniciativas práticas durante a quaresma e o propósito é provocar mudança. Uma das iniciativas é a motivação para a Caminhada da Fraternidade nas cidades da arquidiocese. Ainda, no Domingo de Ramos, temos a Coleta Nacional da Solidariedade em todas as paróquias do Brasil, e uma parte desta coleta fica na arquidiocese e é destinada para atender projetos sociais ligados ao tema da campanha, salientou padre André.

Acesse aqui o vídeo da íntegra da coletiva de imprensa


Matérias publicadas na imprensa:

Jornal A Cidade: Campanha da Fraternidade 2016 foca no saneamento básico

Revide - Igreja Católica lança Campanha da Fraternidade

Tribuna Ribeirão - Saneamento Básico é o tema da Campanha da Fraternidade

Jornal da Clube (TV Band)





CONTATO

Rua Tibiriçá nº 879 – Centro
CEP: 14010-090
Ribeirão Preto/SP


Atendimento

de 2ª a 6ª feira
Das 8h às 12h
Das 13h às 17h (16) 3610 8477

Copyright © 2019 - Arquidiocese de Ribeirão Preto - Desenvolvido por Com5