Hoje é
Notícias

16/01
2014

Arcebispo

Dom Moacir preside missa no calçadão

As missas no calçadão de Ribeirão Preto começaram em 25 de setembro do ano passado. A celebração ocorre sempre s quartas-feiras, no horário das 10h30. Os padres da Catedral Metropolitana de São Sebastião se revezam semanalmente para acolher


Dom Moacir preside missa no calçadão

Acesse a Galeria de Fotos da Missa no Calçadão

As missas no calçadão de Ribeirão Preto começaram em 25 de setembro do ano passado. A celebração ocorre sempre s quartas-feiras, no horário das 10h30. Os padres da Catedral Metropolitana de São Sebastião se revezam semanalmente para acolher a população em sintonia com o Projeto Arquidiocesano de Ação Missionária Permanente Ser Igreja em Missão (SIM) que em suas linhas gerais propõe a acolhida e o encontro: ir ao encontro das pessoas onde elas se encontram e acolher bem os que chegam s nossas comunidades.

O arcebispo Dom Moacir Silva, pela primeira vez, presidiu a Eucaristia no calçadão, na quarta-feira, 15 de janeiro, com a presença de inúmeros fiéis. Concelebrou o pároco da Catedral de São Sebastião padre Francisco Jaber Zanardo Moussa.

Dom Moacir Silva, na reflexão da homilia, abordou três pontos a partir das leituras da liturgia: o chamado, as atividades típicas de Jesus durante um dia, e a preocupação de Jesus em estar com o próximo.

O primeiro ponto tratado pelo arcebispo, o chamado, vem da primeira leitura, tirada do Livro de Samuel (1Sm 3,1-10.19-20). O chamado de Deus a Samuel lembra que cada um de nós é chamado por Deus para uma tarefa especial. Esse Deus que chama pelo nome quis contar de modo especial com algumas pessoas para a história da nossa salvação. Mas não somente Samuel e alguns especiais que foram chamados pelo nome para essa tarefa especial. Cada pessoa, cada um de vocês, cada um de nós, fomos chamados pelo nosso nome para exercer uma tarefa, uma missão neste mundo. Não estamos aqui neste mundo de espectador simplesmente. Temos uma missão a cumprir aqui, e precisamos como Samuel, descobrir sempre mais a tarefa que o Senhor Deus quer que a gente realize neste mundo. E aquilo que Deus quer de nós é sempre em vista do bem dos irmãos e das irmãs, salientou dom Moacir.

No segundo ponto, dom Moacir, inspirado na leitura do evangelho de são Marcos, Mc 1,29-39, refletiu sobre um dia típico de atividades da vida de Jesus. A presença intensa de Jesus permite a convivência em momentos com a grande comunidade, com a pequena comunidade e sozinho em oração com o Pai. Jesus em contato não apenas com a grande comunidade, mas também com a pequena comunidade. como o padre Francisco que não está só na grande comunidade da Catedral, está aqui hoje com vocês, uma pequena comunidade, celebrando a Eucaristia, afirmou o arcebispo. E, o arcebispo lembrou ainda da missão de Jesus e de cada um de nós: Cada um de nós tem uma missão a serviço dos outros. Jesus no Evangelho de hoje deixa claro para nós que não está comprometido com o sucesso. Os apóstolos diziam: todos estão te procurando, mas Ele estava comprometido com a missão. E a missão Dele era revelar a bondade do Pai para toda a humanidade e por isso foi a todos os lugares anunciar o Evangelho, disse dom Moacir.

No último ponto, dom Moacir tratou da proximidade de Jesus com o próximo. Jesus se aproxima, toca as pessoas e elas ao serem tocadas se comprometem com o testemunho e a missão. São Marcos tem a preocupação de mostrar esse Jesus próximo, humano, em contato com as pessoas, um contato bem próximo. A sogra de Pedro deixou-se tocar por Jesus e ficou curada. Todos nós precisamos também deixar-se tocar pelo Senhor. Precisamos ser tocados pelo Senhor. E o Senhor nos toca com a sua Palavra que atinge o nosso coração, que convida-nos a conversão, que nos convida a colocar a nossa vida e o nosso comportamento de acordo com o projeto Dele. O senhor nos toca por meio dos sacramentos, vem ao nosso encontro. Nós temos a necessidade de deixar-se tocar pelo Senhor para podermos ver o projeto que Ele tem para cada um de nós, concluiu o arcebispo.

Ao término da missa, depois dos ritos finais, foram entregues a programação da festa de São Sebastião, e os fiéis puderam cumprimentar o arcebispo e desejar-lhe a Paz de Cristo.


CONTATO

Rua Tibiriçá nº 879 – Centro
CEP: 14010-090
Ribeirão Preto/SP


Atendimento

de 2ª a 6ª feira
Das 8h às 12h
Das 13h às 17h (16) 3610 8477

Copyright © 2019 - Arquidiocese de Ribeirão Preto - Desenvolvido por Com5