Hoje é
Notícias

04/04
2016

Semana Santa

Celebração da Ceia do Senhor e Lava-pés na Catedral

Na noite da Quinta-feira Santa, 24 de março, o arcebispo dom Moacir Silva presidiu a concelebração Eucarística da Ceia do Senhor e Lava-pés, na Catedral Metropolitana de São Sebastião


Celebração da Ceia do Senhor e Lava-pés na Catedral

Na noite da Quinta-feira Santa, 24 de março, o arcebispo dom Moacir Silva presidiu a concelebração Eucarística da Ceia do Senhor e Lava-pés, s 20 horas, na Catedral Metropolitana de São Sebastião, em Ribeirão Preto (SP). Concelebraram os padres Francisco Jaber Zanardo Moussa, pároco, e Antônio lcio de Souza, mestre de cerimônias. 

Na Quinta-feira Santa, a Ceia do Senhor está centrada na comemoração do Novo Mandamento de Amor, simbolizado pelo lava-pés. A Instituição da Eucaristia, o Sacerdócio ministerial, os Sacramentos da Igreja, recebem sentido e são motivos de ação de graças, a partir do Novo Testamento. Na ltima Ceia, Jesus Cristo celebrou profeticamente o que ia realizar em seguida: sua Paixão, Morte, Sepultura e Ressurreição.

Ao refletir sobre a Palavra de Deus, o arcebispo dom Moacir, destacou a importância da Eucaristia para a vida da Igreja. Queridos irmãos, queridas irmãs, estamos reunidos em torno do altar do Senhor celebrando a Eucaristia no dia em que ela foi instituída como tão sublime sacramento, que privilégio para nós, que dom para todos nós, poder participar deste momento fundamental na vida de Cristo, fundamental na vida da Igreja, fundamental na nossa vida. (...)Tendo amado os seus que estavam no mundo amou-os até o fim. Estas palavras narradas no Evangelho (Jo 13,1-15) que acabamos de ouvir realçam bem o clima da quinta-feira Santa. Elas nos fazem intuir os sentimentos vividos por Cristo na noite em que foi entregue e estimula-nos a participar com profunda e íntima gratidão no solene rito que estamos realizando. Entramos nessa noite na Páscoa de Cristo que constitui um momento dramático e conclusivo, longamente preparado e esperado da existência terrena do Verbo de Deus, Jesus. Jesus veio para junto de nós Jesus veio para junto de nós não para ser servido, mas para servir, e assumiu sobre si os dramas e as esperanças dos homens de todos os tempos. Antecipando misticamente o sacrifício da cruz no cenáculo quis permanecer conosco sob as espécies do pão e do vinho, e confiou aos apóstolos e seus sucessores a missão e o poder de perpetuar a sua memória viva no rito eucarístico, disse dom Moacir.

Ao concluir a homilia o arcebispo motivou os fiéis a serem testemunhas e a viver o Evangelho de Cristo. Compete a todos os cristãos tornar-vos servos humildes e atentos aos irmãos para colaborar no projeto salvífico de Deus. tarefa de cada fiel proclamar com a vida que o Filho de Deus amou os seus até ao extremo. Nesta noite num silêncio cheio de mistério alimenta-se a nossa fé. Por fim, confessamos, unidos a toda a Igreja: anunciamos a Tua morte ó Senhor, cheios de gratidão já vivemos a alegria da Tua ressurreição repletos de confiança comprometemo-nos a viver na expectativa da Tua vinda gloriosa, hoje e sempre ó Cristo nosso redentor, amém, concluiu dom Moacir.

Na concelebração, dom Moacir, seguindo o gesto de Jesus Cristo, lavou os pés de 12 agentes de pastoral da comunidade da Catedral. Ao final da celebração, o Santíssimo Sacramento foi trasladado pelo arcebispo dom Moacir, do altar até a Capela do Santíssimo Sacramento, seguido do cortejo de fiéis, onde permaneceu exposto para adoração.









CONTATO

Rua Tibiriçá nº 879 – Centro
CEP: 14010-090
Ribeirão Preto/SP


Atendimento

de 2ª a 6ª feira
Das 8h às 12h
Das 13h às 17h (16) 3610 8477

Copyright © 2019 - Arquidiocese de Ribeirão Preto - Desenvolvido por Com5