Campanha Nacional Laudato Si’ é lançada durante reunião do Conselho Permanente da CNBB, em Brasília (DF)

A Campanha Nacional Laudato Si’, promovida pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), Rede Eclesial Pan-Amazônica (REPAM-Brasil) e pelo Movimento Laudato Si’ (MLS), foi lançada na manhã desta quarta-feira (22), durante a reunião do Conselho Permanente (CP) da CNBB, em sua sede em Brasília (DF). Na ocasião, foi exibido o trailer do documentário “A Carta: uma mensagem pela nossa Terra”, inspirado na Carta Encíclica Laudato Si’, do Papa Francisco.

A iniciativa pretende difundir o documentário “A Carta” como uma estratégia para a sensibilização e a mobilização do universo religioso para as questões intrínsecas à Carta Encíclica Laudato Si’, que chama atenção para o cuidado da Casa Comum. Com objetivo de dinamizar estratégias de sensibilização e articulação, a Campanha se desenvolverá a partir de atividades em nível Nacional, Regional e Diocesano.

Uma das atividades nacionais será a Semana Laudato Si’, de 21 a 28 de maio de 2023, em Brasília (DF). Como parte da programação deste evento acontecerão encontros com autoridades religiosas e políticas, audiência pública, circuito de exibições do filme, oficinas para juventudes e vigília inter-religiosa. Além disso, a Semana Nacional prevê o fomento de exibições e atividades voltadas à Ecologia Integral nos regionais da CNBB e com Organizações Parceiras, principalmente durante o Junho Verde, iniciativa apresentada pela CNBB ao Congresso Nacional, e o Tempo da Criação, de 1 de setembro a 4 de outubro.

Irmã Maria Irene Lopes, secretaria executiva da REPAM-Brasil, conta que o filme pretende ser uma ferramenta para despertar a consciência ecológica e engajar as pessoas e organizações no enfrentamento à crise climática e ecológica nos vários biomas brasileiros. “Queremos engajar e sensibilizar as pessoas para o enfrentamento às crises climática e ecológica”, ressalta a religiosa.

Identidade visual

Durante o evento, foi apresentado a identidade visual da campanha. Desenvolvida pelo Ateliê 15, a arte foi inspirada na Encíclica Laudato Si’ e no documentário “A Carta”.

A figura traz a terra, representada na base da logomarca, como um elemento o que une e sustenta toda a cena. A folha brotando, sinal da vida de toda a Criação, traz à vista a esperança de continuidade e renovação da mensagem implícita à Laudato Si’. Do amanhecer (tons azuis) ao entardecer (tons laranjas), dia e noite, a dimensão do cuidado permanente, vigilante e irrestrito com a Casa Comum.

A Carta: uma mensagem pela nossa Terra

O filme é organizado em uma parceria do Movimento Laudato Si’ com os Dicastérios para a Comunicação e para a Promoção do Serviço do Desenvolvimento Humano Integral. A produção é da Off the Fence, produtora vencedora de um Oscar, e do YouTube Originals, plataforma de streaming em que está disponível gratuitamente.

Eduardo Nischespois Scorsatto, Coordenador de Campanhas do Movimento Laudato Si’, enfatiza a importância do filme como uma via de diálogo com setores onde a Carta Encíclica ainda não encontrou espaço ou mesmo ainda é desconhecida. “O documentário “A Carta” é um instrumento de sensibilização que poderá estabelecer diálogos definidores de novas perspectivas para a ação da Igreja frente às crises climática e socioambiental. E ainda, poderá mobilizar o engajamento de outras instituições e organizações que já atuam neste enfrentamento para somarem forças e ampliarem as redes de incidência.”

O filme resgata vozes dos poetas sociais, como os chama o Papa Francisco, em um diálogo sobre suas percepções a respeito das condições climáticas e socioambientais. Os protagonistas estabelecem um verdadeiro encontro entre si e com o Papa. No diálogo entre os interlocutores se abre a oportunidade de resgatar e refletir a respeito da Ecologia Integral e do Cuidado com a nossa Casa Comum.

Assista o documentário AQUI, divulgue e conheça a mensagem que o Papa Francisco quer transmitir!

Com informações da Repam-Brasil

Fonte: CNBB

Veja também: