Emissão dos compromissos perpétuos dos irmãos da CMDM em Batatais

O arcebispo dom Moacir Silva presidiu a concelebração Eucarística, em 21 de outubro, às 19h30, na paróquia São Sebastião, em Batatais, onde quatro irmãos da Comunidade Missionária Divina Misericórdia (CMDM), professaram seus compromissos perpétuos no carisma da Associação Privada de Fiéis, sendo eles: Divino Sinésio, José Siqueira, Selma Tavares e Maria Parreira (as duas últimas celibatárias). Estiveram presentes os padres: Marcos Roberto Carlos, pároco da paróquia São Sebastião; Thiago José Barbosa Oliveira dos Santos, da paróquia Santa Luzia, de Sertãozinho; Vinicius Martins Cestari, da paróquia Santa Teresinha do Menino Jesus, de Ribeirão Preto; Nelci Amandio de Souza, da paróquia Santa Rita de Cássia, de Batatais; o diácono Flávio Aparecido Livotto, presidente da Associação dos Diáconos Permanentes da Arquidiocese de Ribeirão Preto (Adparp), vários diáconos, candidatos ao diaconato, o prefeito municipal Luís Fernando B. Gaspar Junior e vários vereadores.

No discurso de agradecimento o fundador e moderador geral da CMDM, diácono Irmão Francisco Ferreira Alves Neto, destacou que ser discípulo não é falar o que Jesus fazia; mas sim fazer as mesmas coisas que Jesus fazia. “Ser irmão é viver a fraternidade no compromisso da pobreza para ser rico do amor e da misericórdia de Deus. A castidade para mostrar a beleza do celibato, do matrimônio e da família que serve junta e a obediência para se tornar livre e fazer sempre e em tudo a vontade de Deus”. E, com um pedido de vênia aos demais compromitentes, o fundador destacou o testemunho da Irmã Maria Parreira, uma mulher que literalmente vendeu tudo o que tinha e deu aos pobres! Com quase 92 anos de vida dedicada a Igreja, como catequista por décadas viu passar em suas mãos muitos profissionais, padres, freiras e foi catequista até de dom Antônio Vilar, atual bispo da diocese de São José do Rio Preto. Irmã Maria esteve na assembleia de fundação da CMDM e desde então dedicou sua vida aos mais pequeninos cozinhando, lavando, rezando, ouvindo e ensinando.

CMDM: A Comunidade Missionária Divina Misericórdia (CMDM) foi fundada pelo Irmão Francisco Ferreira Alves Neto, em 2003, e nasceu por obra e vontade de Deus para cuidar dos irmãos mais necessitados, em especial os irmãos em situação de rua. Hoje a comunidade conta com 20 casas de atendimento nos municípios paulistas de Batatais, São Carlos, Ribeirão Preto, Serrana e Marília. O público atendido vai desde crianças e adolescentes (0 a 18), adultos entre 18 e 59 anos e idosos (idade acima dos 60 anos), perfazendo uma média de 500 pessoas atendidas diariamente.

Irmão Francisco Ferreira Alves Neto
Moderador Geral da CMDM

Saiba mais: .
https://cmisericordia.com.br/
https://www.facebook.com/ComunidadeMissionariaDivinaMisericordia

 

Veja também:

Escala Diaconado Permanente – Exéquias – Mês de NOVEMBRO 2022

A Associação dos Diáconos da Arquidiocese de Ribeirão Preto (ADPARP) divulga a Escala de Exéquias (Celebração Exequial nos Velórios) para o mês de NOVEMBRO de 2022 (final de semana e segunda-feira) para atendimento nos velórios de Ribeirão Preto.