Ministério de leitor e admissão às ordens sacras no Seminário Maria Imaculada

Com o lema “Se alguém me ama, guardará minha Palavra, e meu Pai o amará, a ele viremos e faremos nossa morada” (Jo 14, 23), os seminaristas: Carlos Alexandre Barbosa e Luís Fernando Oliveira, foram instituídos no Ministério de Leitor, na Capela do Seminário Maria Imaculada, no dia 8 de novembro, em Brodowski, em concelebração eucarística presidida pelo arcebispo dom Moacir Silva, e a presença de padres, diáconos, seminaristas e familiares.
De acordo com o “Plano de Formação Inicial dos Seminários da Arquidiocese de Ribeirão Preto”, é previsto aos candidatos ao sacerdócio receberem o Ministério de Leitor no quarto trimestre do segundo ano de teologia, com um retiro de dois dias para sua preparação: “Pelo ministério de leitor o candidato participa de modo particular da missão que Cristo confiou à Igreja de anunciar o Evangelho a toda criatura. Estando a serviço da Palavra deve em primeiro lugar ser dócil a esta Palavra acolhendo-a de coração aberto e meditando-a assiduamente em sua vida”.

Admissão às Ordens Sacras no Seminário Maria Imaculada

Em sintonia com o lema do 3º Ano Vocacional da Igreja no Brasil: “Corações Ardentes, Pés a Caminho” (Lc 24, 32-33), o arcebispo dom Moacir Silva presidiu a missa com o rito de admissão às ordens sacras, no dia 02 de dezembro, no Seminário Maria Imaculada, em Brodowski. Os seminaristas Eduardo Augusto Rodrigues de Castro e Lucas Barbosa Pais, e o candidato ao diaconado permanente da quarta turma da Escola Diaconal Arquidiocesana São Lourenço, Ueliston de Souza Coelho, foram admitidos às ordens sacras ao manifestarem publicamente o desejo de continuar a caminhada rumo as ordens sacras, assumindo às obrigações e etapas próprias do itinerário de formação à vida e missão diaconal ou presbiteral.

Segundo o “Plano de Formação Inicial dos Seminários da Arquidiocese de Ribeirão Preto”, a Admissão fica prevista para o final do primeiro ano de teologia, com um retiro de dois dias para sua preparação: “O rito da admissão quer ser a apresentação solene diante da Igreja daqueles que serão admitidos como candidatos à sagrada Ordem. São chamados a manifestar publicamente o seu desejo de consagrar-se ao serviço de Deus e da humanidade. Pela Admissão devem cultivar mais intensamente a própria vocação acolhendo os meios que são oferecidos pela Igreja através dos responsáveis pela formação, não se esquecendo de que o próprio candidato deve ser considerado o protagonista de sua formação e, que o protagonista por antonomásia é o Espírito Santo. Assim, devem colocar-se sempre confiantes no Senhor e dóceis à sua vontade”.


Colaboração: @lancando.redes.rp

Veja também:

Inscrições para o Curso Estudos Bíblicos 2023

A Escola Bíblica da Arquidiocese de Ribeirão Preto retoma as atividades formativas do “Curso Estudos Bíblicos” com a abertura de novas turmas para este ano de 2023. O curso conta com 12 módulos e tem a duração de três anos (março/junho e agosto/novembro).