Missa e show oracional na abertura arquidiocesana da Semana Nacional da Família

Com o tema: “Amor familiar, vocação e caminho de santidade” a Pastoral Familiar da Arquidiocese de Ribeirão Preto promoveu no dia 12 de agosto, a Missa Campal e Show Oracional na abertura arquidiocesana da Semana Nacional da Família, na Catedral Metropolitana de São Sebastião, em Ribeirão Preto, presidida pelo arcebispo dom Moacir Silva, com a presença de padres, diáconos, seminaristas, agentes da Pastoral Familiar e dos Movimentos Familiares. Após a missa aconteceu o show oracional “Uma casa iluminada por Jesus”, com o cantor Antônio Cardoso.

Recordação da Vida

O texto da recordação da vida relembrou a importância dos trabalhos da Pastoral Familiar nas paróquias e na arquidiocese. “É com grande alegria que hoje, com esta Eucaristia, iniciamos em nossa Arquidiocese de Ribeirão Preto, a Semana Nacional da Família, que este ano traz o tema: ‘Amor familiar, vocação e caminho de santidade’, para motivar os diversos momentos de espiritualidade, ação, oração e reflexão sobre a vida familiar em nossas comunidades. Maior é nossa alegria por esta celebração acontecer em nossa igreja-mãe, a Catedral de São Sebastião, recordando que a Pastoral familiar é sempre chamada a manifestar a criatividade, o amor, o empenho, enquanto extensão da maternidade da Igreja nos lares de todo o mundo. Agradecidos também pela vida e disponibilidade do missionário e cantor Antônio Cardoso que também muito colabora para esse nosso momento celebrativo”, frisou o texto.

A recordação da vida ainda rememorou as situações cotidianas e sociais que atingem as famílias, e agradeceu pela perseverança das famílias como instrumentos da ação evangelizadora da Igreja. “Rendemos graças a Deus por todo o trabalho desempenhado pela Pastoral Familiar em nossa Igreja Particular de Ribeirão Preto, a nível de arquidiocese e de paróquias, os avanços tidos na Catequese Matrimonial, que pudemos visualizar pelos nossos ricos momentos de escuta sinodal acontecidos no primeiro semestre e consagrar ao Senhor a retomada gradual de nossos eventos presenciais. Trazemos ao altar do Senhor, todas as famílias de nossa arquidiocese e as do mundo inteiro, sobretudo pelas feridas causadas pela pandemia, pela guerra e a pobreza. Bem como também, com gratidão, todos os agentes da pastoral familiar, juntamente com seus pastores e comunidades, que nesses tempos de calamidade, tiveram que se reinventar pelas mídias sociais e tantos outros meios para continuar, com dificuldades, o seu serviço em favor da vida e da família”, finalizou o texto.

Homilia: No início da homilia o arcebispo dom Moacir reforçou o valor da família como expressão do amor de Deus para com a humanidade. “Queridos irmãos e queridas irmãs! Querida família arquidiocesana. Nesta Celebração Eucarística estamos abrindo a Semana Nacional da Família em nossa Arquidiocese: ‘Amor familiar, vocação e caminho de santidade’. Deus criou o homem à sua imagem e semelhança: chamando-o à existência por amor, chamou-o ao mesmo tempo ao amor. Deus é amor e vive em si mesmo um mistério de comunhão pessoal de amor. Criando-a à sua imagem e conservando-a continuamente no ser, Deus inscreve na humanidade do homem e da mulher a vocação, e, assim, a capacidade e a responsabilidade do amor e da comunhão. O amor é, portanto, a fundamental e originária vocação do ser humano (FC 11)”, enfatizou o arcebispo.

Dom Moacir convocou as famílias a caminharem na certeza da vocação familiar, sinal do amor e da fraternidade, e sinalizou que as famílias não estão sozinhas, pois a Igreja caminha junto com todas as famílias. “Amor familiar: vocação e caminho de santidade. Com a força desta Palavra de vida, animo-vos a retomar resolutamente o caminho do amor familiar, partilhando com todos os membros da família a alegria desta vocação. O amor que viveis entre vocês seja sempre aberto, comunicativo, capaz de ‘tocar com a mão’ os mais frágeis e os feridos que encontrarem pelo caminho: frágeis no corpo e frágeis na alma. De fato, é quando se dá que o amor, incluindo o amor familiar, se purifica e fortalece. Queridas famílias! A Igreja está com vocês; antes, a Igreja está em vocês! Com efeito, a Igreja nasceu de uma família, a família de Nazaré, e é composta principalmente por famílias. Que o Senhor vos ajude cada dia a permanecer na unidade, na paz e na alegria, mostrando a todos que Deus é amor e comunhão de vida, hoje e sempre. Amém”, concluiu dom Moacir.

Agradecimentos

Antes dos ritos finais e do início do show oracional, o padre Luís Felipe Rodrigues da Silva, assessor arquidiocesano da Pastoral Familiar, demonstrou a gratidão a todos os envolvidos na organização da missa e do show oracional. “Com essa celebração campal e show oracional abrimos a Semana Nacional da Família em nossa Arquidiocese. Quero aqui com muita alegria e esperança agradecer a todos envolvidos para que ela acontecesse. Quero agradecer a dom Moacir, muito obrigado pela confiança em nós depositada, e por todo apoio, incentivo e cuidado para com a Pastoral Familiar. Ao pároco da Catedral, padre Chicão, que desde o início foi tão generoso, solícito e acolhedor conosco, não medindo esforços para que esta celebração acontecesse, e extensivamente agradecemos ao padre Igor, vigário da Catedral, e a todas as equipes da Catedral envolvidas e todos que trabalharam na organização do espaço e dessa celebração. Ao cantor Antônio Cardoso que com sua simplicidade e espiritualidade, e amor a Jesus e a sua Igreja, se colocou à disposição para o show oracional com as famílias. A todos os aqui presentes: padres, diáconos, seminaristas e todo o povo Deus, sobretudo os agentes da Pastoral Familiar, muito obrigado, façamos a nossa parte com alegria e amor”, agradeceu padre Luís.

Família Samaritana

Após a bênção final, o arcebispo dom Moacir, fez a entrega ao casal representante paroquial da Pastoral Familiar de uma pequena caixa incluindo símbolos inspirados no Evangelho do Bom Samaritano: imagem da Sagrada Família, atadura, um vidrinho com óleo e outro com vinho, réplicas de moedas do Bom Samaritano, e uma caixinha (semelhante a caixa de remédios) com o nome “Misericordina”, e em seu interior um terço, a imagem de Jesus Misericordioso e uma bula prescrevendo orações, similar a caixinha entregue aos fiéis pelo papa Francisco, pela primeira vez em 2013, e depois em outras ocasiões.

Show Oracional

Com espiritualidade e oração, o cantor e compositor Antônio Cardoso, sensibilizou e emocionou o público presente defronte à Catedral no show oracional: “Uma casa iluminada por Jesus”. Com canções conhecidas do repertório católico e da música brasileira, entre testemunhos e reflexões, Antônio Cardoso, em sua trajetória de 40 anos na música, enriqueceu a abertura da Semana Nacional da Família na Arquidiocese de Ribeirão Preto.

Veja também:

O Vídeo do Papa sobre o Sínodo: caminhar juntos, ouvir juntos

Novo mês, nova intenção de oração do Papa Francisco: O Vídeo do Papa de outubro acaba de ser divulgado com a intenção de oração que o pontífice confia a toda Igreja Católica através da Rede Mundial de Oração do Papa. A intenção chega em um ponto de virada no percurso sinodal que começou em 2021 e terminará em 2023.

Arquidiocese celebra o Dia do Nascituro

A Arquidiocese de Ribeirão Preto celebrará no dia 8 de outubro, sábado, o Dia Nacional do Nascituro. O tema para a edição deste ano de 2022 é: “Toda violação da dignidade humana ofende a Deus”. A Pastoral Familiar e a Pastoral da Saúde da Arquidiocese unidas em defesa da vida promovem o Encontro e a Celebração do Dia do Nascituro

Novena de Natal da Arquidiocese de Ribeirão Preto 2022

A Novena de Natal 2022 da Arquidiocese de Ribeirão Preto já está à disposição das paróquias e dos grupos de novena. Mais uma vez temos a alegria de apresentar nossa novena para ajudar as nossas comunidades a saborearem a espiritualidade do Advento.