O anúncio da Palavra de Deus

A CNBB – Conferência Nacional dos Bispos do Brasil, à luz da Vª Conferência Episcopal Latino-Americana e Caribenha de Aparecida (2007) e do Sínodo sobre a Palavra de Deus de Roma (2008), continua empenhada em conclamar os cristãos brasileiros a retomarem a prioridade do Anúncio da Palavra de Deus, distribuindo pelo país afora milhões de Bíblias. A proposta de nossa Igreja não se resume a distribuir Bíblias, mas recebê-las com amor, a fim de que sejam bússolas orientadoras da vida de todos os cristãos.

“Jesus, ao iniciar o seu ministério na Galileia, em sua pregação, proclamava o Evangelho do Reino de Deus e conclamava à conversão, como mostra o evangelista Marcos: ‘Cumpriu-se o tempo e o Reino de Deus está próximo. Arrependei-vos e crede no Evangelho’ (Mc 1,15). Em função deste mesmo anúncio, Jesus constituiu os Doze e enviou-os a pregar (cf. Mc 3,13-14; cf. Mt 10,1-42). Ao enviar os setenta e dois discípulos, ele indicava a universalidade da missão e apontava o Reino de Deus como o conteúdo da pregação, ‘dizei: ‘O Reino de Deus está próximo de vós’ ‘(Lc 10,9). Assim, se estabelece a missão, que é fundamental para a edificação e expansão da Igreja” (cf. Subsídios Doutrinais da CNBB nº 5§62).

Anunciar a Palavra de Deus requer conhecimento. Não é possível anunciar o que não se conhece: vira “fofoca”. Muitas vezes ouvimos de lábios muito cristãos a expressão: “Religião não se discute!” Não discute religião quem não a conhece. Quando nos referimos à religião, em nosso caso, queremos pensar não apenas em nossa religião, seja ela qual for, mas na fundamentação de cada uma das religiões: O Anúncio da Palavra de Deus!

“Como anunciar a Palavra de Deus no mundo de hoje? Tal pergunta é ouvida frequentemente, sobretudo em momentos críticos da atividade pastoral no mundo. Por essa razão, urge recuperar a prioridade do Anúncio da Palavra de Deus, sem esquecer que o cristianismo não é a religião do livro, mas de uma Pessoa, Jesus Cristo. Desse encontro, brota uma relação de discipulado, expressa pela palavra seguimento; ou seja, alguém que por amor, escuta, acolhe, segue, vivencia e anuncia Jesus Cristo” (cf. Subsídios Doutrinais da CNBB nº 5§65).

Com a pandemia precisamos cancelar os encontros para estudar a Sagrada Escritura, nossos modestos Estudos Bíblicos. Um dos pilares da Ação Evangelizadora tanto do Brasil como de nossa Arquidiocese de Ribeirão Preto é o Pilar da Palavra. Então queremos, no dia 23 de outubro próximo, retomar esta belíssima iniciativa de nossa querida Amália Terezinha Balbo Di Sicco, que prepara, coordena e ministra nosso Estudo Bíblico mensalmente.

No quarto sábado de cada mês, na Igreja Santo Antoninho, Pão dos Pobres, na Av. Saudade, 202, nos Campos Elíseos, em Ribeirão Preto, entre 09 e 11 horas voltaremos a nos reunir para aprofundar o estudo da Palavra de Deus. Todos são convidados a participar e conhecer mais a Palavra de Deus, para acolhê-la melhor e amá-la mais profundamente com a vida! Há, também, a oportunidade de participar do Estudo Bíblico-Litúrgico na última sexta-feira de cada mês, entre 15 e 17 horas, no CPC – Centro do Professorado Católico da Arquidiocese de Ribeirão Preto, na Rua Barão do Amazonas, 484, no Centro de nossa cidade. Nunca é tarde demais para iniciar. Quem desejar será sempre bem-vindo num dos momentos tão importantes de formação permanente, que nem sempre valorizamos suficientemente. Reclamamos que nossa Igreja não forma os fiéis, enquanto nem sempre aproveitamos de riquezas oferecidas, como é o Estudo Bíblico!

Pe. Gilberto Kasper
[email protected]

Mestre em Teologia Moral, Licenciado em Filosofia e Pedagogia, Especialista em Bioética, Ética e Cidadania, Professor Universitário, Docente no CEARP – Centro de Estudos da Arquidiocese de Ribeirão Preto, Assistente Eclesiástico do Centro do Professorado Católico, Assessor da Pastoral da Comunicação, Pároco da Paróquia Santa Teresa D’ Ávila e Reitor da Igreja Santo Antônio, Pão dos Pobres da Arquidiocese de Ribeirão Preto e Jornalista.

Veja também:

Arcebispo ordenará três novos padres para a Arquidiocese de Ribeirão Preto

No encerramento do Ano de São José na Arquidiocese de Ribeirão Preto convidamos para a Concelebração Eucarística, presidida pelo Arcebispo Metropolitano de Ribeirão Preto, Dom Moacir Silva, que conferirá, por mercê de Deus a Ordenação Presbiteral aos Diáconos: Alcides, Rodrigo e Vinícius.