Presidência do Regional Sul 1 e bispos das sub-regiões se reuniram pela primeira vez em 2021

A primeira reunião deste ano, da Comissão Episcopal Representativa do Regional Sul 1 da CNBB, aconteceu por videoconferência, na manhã do dia 11 de fevereiro. São integrantes os bispos da presidência do Regional: Dom Pedro Luiz Stringhini (presidente), Dom Luiz Carlos Dias (secretário), Dom Edmilson Amador Caetano (vice–presidente) não pode participar da reunião em virtude da celebração dos 40 anos de criação da Diocese de Guarulhos, da qual é bispo titular.

Para melhor representar as Igrejas Particulares do Regional, são membros natos os presidentes das Sub-Regiões do Estado: Dom Júlio Endi Akamine (Sorocaba), Dom Moacir Silva (Ribeirão Preto I), Dom Milton Kenan Júnior (Ribeirão Preto II), Dom Benedito Gonçalves dos Santos (Botucatu), Dom Eduardo Malaspina (Campinas), Dom José Carlos Chacorowski (Aparecida) e Dom João Bosco Barbosa de Sousa (Grande São Paulo).

Ainda torna mais o grupo mais representativo, os bispos com acento no Conselho Permanente da CNBB: o Cardeal Odilo Pedro Scherer e o Arcebispo de Ribeirão Preto, Dom Moacir Silva.

A Representativa ainda conta com a assessoria do secretário-executivo da entidade, Pe. Walter Merlugo Júnior.

Dom Odilo, Representante da CNBB junto ao Conselho Episcopal Latino-Americano e do Caribe (CELAM), explicou acerca da Assembleia Latino–Americana e Caribe, noticiada no dia 24 de janeiro passado. Segundo o Cardeal de São Paulo, diante de clamores pela realização de mais uma Conferência Geral dos Bispos Latino-Americanos e do Caribe, o Papa Francisco, considerando que o Documento de Aparecida oferece uma reflexão pertinente aos desafios da evangelização da Igreja no continente na atualidade, sugeriu uma Assembleia com a participação de integrantes de todo o povo de Deus, em perspectiva sinodal. Disse também que a presidência do CELAM está encaminhando este evento, cujo lema será: “Somos todos discípulos missionários em saída”.

Outros assuntos tratados foram: o orçamento para as atividades do Regional no exercício 2020-2021; missão Ad Gentes do Regional: Amazônia e Pemba, entre outros. Este último tema motivou comentário sobre a transferência de Dom Luiz Dom Luiz Fernando Lisboa, da Diocese de Pemba, Moçambique para a diocese de Cachoeiro do Itapemirim, no Estado do Espírito Santo.

Ainda houve a partilha das ações evangelizadoras entre os presidentes das Sub-Regiões, um exercício de corresponsabilidade em perspectiva sinodal.

Dom Eduardo Malaspina destacou que “esse exercício se realiza primeiramente nas Igrejas Particulares, depois nas Províncias, nas Regiões Eclesiásticas e na Conferência Episcopal. A busca por caminhar juntos – bispos, padres, diáconos, consagrados, religiosos (as) e leigos (as) – como nos diz o Papa Francisco, é o caminho que Deus espera da Igreja no 3° Milênio”, concluiu Dom Malaspina.

Foi deliberado na Representativa, que o Regional Sul 1 vai realizar suas principais reuniões por videoconferência até verificar um processo de vacinação amplo. Por essa razão, as Assembleia dos Bispos do Regional Sul 1 e a denominada “Assembleia das Igrejas”, serão promovidas por videoconferência.

Dom Milton Kenan Júnior, avisou que a Sub-Região Ribeirão Preto II, através da Comissão Bíblico catequética do Regional vai preparar o lançamento de vídeos, com cerca de 30 minutos cada, inspirados no novo Diretório de Catequese. Os vídeos estão a cargo de uma equipe de comunicação especializada neste formato. Os materiais serão disponibilizados aos catequistas e catequizando das Igrejas particulares do Regional, inclusive na forma de texto.

Fonte: https://cnbbsul1.org.br/presidencia-do-regional-sul-1-e-bispos-das-sub-regioes-se-reuniram-pela-primeira-vez-em-2021/

Veja também:

Escala Diaconal para celebração das exéquias nos cemitérios de Ribeirão Preto

O Associação dos Diáconos da Arquidiocese de Ribeirão Preto (ADPARP) divulga a Escala de Exéquias (Celebração Exequial nos Velórios) para o mês de março de 2021 (final de semana) para atendimento nos velórios de Ribeirão Preto. Informamos que esta escala é encaminhada aos velórios da cidade de Ribeirão Preto para que possam fazer o contato com os diáconos.