Seminário Maria Imaculada acolheu a 28ª Jornada de Oração pela Santificação dos Sacerdotes

A 28ª Jornada Mundial de Oração pela Santificação dos Sacerdotes, reuniu o arcebispo dom Moacir Silva e os padres, na manhã de 16 de junho, Solenidade do Sagrado Coração de Jesus, no Seminário Maria Imaculada, em Brodowski. Em sintonia com o Terceiro Ano Vocacional da Igreja no Brasil, que traz o tema: “Vocação: Graça e Missão” e o lema: “Corações ardentes, pés a caminho” (cf. Lc 24, 32-33), os padres tiveram uma manhã de reflexão, adoração e um singelo almoço de confraternização. A reflexão foi feita pelo Padre Giorgio Valente, FDCC, pároco da paróquia Sagrada Família, em Ribeirão Preto.

De acordo com padre Giorgio a espiritualidade exige um conhecimento de si mesmo para viver a espiritualidade como um encontro com Deus e com os outros. “Primeiro é importante saber: quem eu sou? Quando eu sei quem eu sou, aí espontaneamente acabamos fazendo a vida acontecer e não se torna um esforço, por isso, quando eu sei quem eu sou não canso, porque considero a força que vem de dentro vinda de Deus. Esta configuração ao Cristo é o que nos torna incansáveis, porque as frustrações que normalmente acontecessem não são meras frustrações, é o ministério. A coisa mais bonita, e me recordo aqui de um seminarista que certa vez fez um desenho da cruz e colocou um sorriso na cruz; eu achei genial, porque ele mostrou que na cruz podemos ser felizes. Quando você ama nunca perde o cansaço, por exemplo, uma mãe que ama, ela sente o amor dentro dela, e não sente o cansaço de trabalhar. A frustração não faz parte da vida sacerdotal. Se o padre é cabeça de Cristo, com Cristo, esta é a espiritualidade do padre, é estar unido com Cristo, a vida é com Cristo, por Cristo e em Cristo”, explicou padre Giorgio.

Terminada a reflexão a jornada de oração deu início a Adoração ao Santíssimo Sacramento, com momentos de contemplação, cânticos, meditação pessoal, e o encerramento com a bênção do Santíssimo presidida pelo arcebispo dom Moacir Silva. A jornada conta com a organização da Pastoral Presbiteral da Arquidiocese de Ribeirão Preto e tem o objetivo de estreitar, animar e fortalecer a comunhão presbiteral, e terminou com o almoço de confraternização no refeitório da casa formativa. A edição deste ano ficou sob a responsabilidade da forania Bom Jesus da Lapa.

Oração pela Santificação dos Sacerdotes

Divino Jesus, Sacerdote dos Sacerdotes!
Santificai todos aqueles que escolhestes
para serem vossos colaboradores.
Que o rebanho não se perca
pela falta de pastores zelosos,
mas, dai-lhe ministros segundo o vosso Coração.
Jesus, Palavra Eterna do Pai!
Concedei aos sacerdotes
o dom de tocar os corações.
Revelai-lhes os segredos da Sagrada Escritura,
para que sejam sábios pregadores de vossa Palavra,
ao povo que lhes foi confiado.
Jesus, Pão da Vida!
Renovai nos sacerdotes o primeiro amor
pela celebração dos vossos santos Mistérios,
Que a Eucaristia que celebram
santifique suas vidas
e a vida do rebanho,
o qual são chamados a servir.
Jesus, amigo dos pobres e pecadores!
Reacendei nos ministros de vosso Reino
a chama da caridade benfazeja,
para que sejam sensíveis a causa dos necessitados
e sinais de vossa misericórdia aos que se desviaram de vosso Caminho.
Jesus, Pastor dos Pastores!
Muito obrigado por nos dar pastores
para serem continuadores de vossa obra no mundo.
Amém.

(Autor: Padre José Eduardo Previato Carmanhan)

 

Veja também:

Ano da Oração

Na preparação do Jubileu 2025, o ano de 2023 foi o ano voltado à redescoberta dos ensinamentos conciliares, contidos principalmente nas quatro Constituições do Vaticano II: Dei Verbum (DV), Sacrosanctum Concilium (SC), Lumen Gentium (LG), Gaudium et Spes (GS). O ano de 2024 é dedicado inteiramente à oração, avançando na preparação para o Jubileu 2025: “Peregrinos de Esperança”